Manga

Jogo do bafo

Trata-se de um jogo muito conhecido entre crianças que colecionam cromos. O objetivo é bater com a mão aberta sobre um baralho de cromos numa superfície plana e conseguir ganhar aqueles que ficam virados ao contrário. O ato de bater com as mãos nos cromos, cria uma deslocação de ar (bafo) que faz com que alguns se virem, e o jogador possa ganhá-los.

Desenvolvido por Professor Doutor Carlos Neto

Benefícios

  • Velocidade de reação;
  • Coordenação motora fina;
  • Imaginação e criatividade;
  • Autocontrolo e socialização;
  • Capacidade de antecipação;
  • Cooperação-oposição;

Descrição

Jogadores: toda a família pode participar com os seus filhos ou com amigos (a partir dos 5 anos).

Material: baralho de cartas ou cromos de coleção.

Local: em espaços planos (chão ou mesa) existentes em casa.

Como se joga: os jogadores formam uma roda em que todos ficam sentados ao redor dos cromos que vão ser disputados. Cada jogador coloca no centro da roda uma quantidade de cromos combinada entre os participantes. O monte de cromos é agrupado e é sorteada a ordem de ação dos participantes. Acertada a ordem de participação, um jogador de cada vez arruma o monte, colocando todos os cromos viradas de frente e bate com a mão (não é permitido utilizar os dedos). Os cromos que virarem do avesso são recolhidos pelo participante que acabou de bater. O próximo participante arruma os cromos que restam e bate no monte, retirando aquelas que conseguiu virar. O processo continua até que todos os cromos em jogo sejam virados do avesso e retiradas do monte. Se alguns cromos colarem na mão do jogador, então ele terá que bater esses cromos sozinhos fora do baralho. Ganha o jogador que conquistar mais cromos.